Vigia de Nazaré - Pará - BR.

Vigia de Nazaré - Pará - BR.
400 Anos de fundação

quarta-feira, 27 de maio de 2015

Meio Ambiente em Vigia

Perguntei à Secretária Municipal de Meio Ambiente a Sra. Rita a respeito do trabalho que está sendo realizado sobre a:
A poluição sonora:
Atuamos diariamente na tentativa de minimizar os problemas ocasionados pela poluição sonora, sendo ciente que esta problemática está afetando a sociedade e causando inúmeros transtornos em nosso Município. Mas vale ressaltar que enfrentamos resistência de alguns proprietários de sons, a se adequarem com as normas estabelecidas pela Lei.
Além disso, a Semma vem notificando os responsáveis para que façam sua regularização junto ao órgão, que está localizada na Trav. José Aragão, 240, Arapiranga (beiradão), assim buscamos diminuir os impactos negativos, causado pelo uso abusivo de equipamentos sonoros no Município de Vigia de Nazaré.
E o lixo?
O lixo é um problema nacional, mas Vigia procura e espera trabalhar com a sociedade a disposição dos diversos resíduos (lixo), o acondicionamento adequado. Mesmo nas residências, áreas comerciais e indústrias. Com base nisso, a Semma desempenha o papel de cobrar, principalmente, para o comercio e indústria a responsabilidade de elaboração de seu plano de gerenciamentos de resíduos sólidos, considerando os aspectos legais nacional, estadual e municipal. Através de sua politica de gestão a Lei nº 12.612 R. S. O que a Semma espera dos munícipes a responsabilidade de colocar o lixo nos dias e horários estabelecidos pela Seinfra, não condicionando os mesmo após a coleta, pois essa prática leva a transtorno em virtude de animais como cachorros, gatos, insetos, ratos e urubus. Principalmente resíduos oriundos de açougues, abatedouros que são dispostos em via pública e espalhado por animais.
Outro agravante é a disposição de restos de construção, limpeza de quintais, quando postos na rua, tornam microlixões a céu aberto, uma vez acrescido por resíduos domésticos. Frisamos que a população pode solicitar a remoção desses lixos e entulhos a Seinfra, por agendamento, contribuindo de maneira consciente com a nossa cidade.
E quanto os areais?
Quanto ao questionamento feito por parte da população, com relação à extração de areia em nosso município, informamos que esta Secretaria vem trabalhando de forma séria e responsável na fiscalização e monitoramento desta atividade, sendo o licenciamento para a mesma é baseada nos critérios legais, estabelecido pela Lei vigente.

A problemática ambiental está em foco há alguns anos, porém as Leis que possibilitam soluções são recentes. Não eximindo a Secretaria de suas responsabilidades. Vale ressaltar que hoje os impactos ambientais existentes no município também foram herdados de gestões anteriores a esta. Finalizou a Secretária.

sexta-feira, 22 de maio de 2015

I Cabano Nº 70

Chegou o INFORMATIVO CABANO  edição de número 70. 

O texto abaixo é uma das matérias desta edição, leia.

Pais e alunos da Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Santa Rosa se reuniram no último 6 de maio em frente à referida Escola, na vila de Santa Rosa de Lima, há 15 quilômetros de Vigia, para protestar contra a greve abusiva dos professores que já dura 3 meses, deixando os alunos de Santa Rosa sem aula desde o dia 9 de fevereiro, disse uma das mães no protesto.
Porque o Secretario Estadual de Educação e o Sindicato não se juntaram em dezembro e janeiro para fazer este tipo de acordo, quem perde é somente os alunos e nós mães, nossos filhos vão perde o ano letivo, como já estamos na metade do ano e simplesmente a gente fica a mercê de todos. Tivemos que chegar ao ponto de fechar a PA 140 para chamarmos a atenção e pedirmos uma solução urgente, dizem que “a educação está em primeiro lugar”. Que educação é esta? Espero que o Secretário Elenilson Pontes e o Sindicato dos professores sentem para conversar e chegar a uma conclusão positiva, e não para tomar café, finalizou uma das representantes do manifesto.
A manifestação que teve início às 9 horas deixou mais de dois quilômetros de estrada interditada, veículos que vinham para Colares, São Caetano de Odivelas e Vigia ficaram impedidos de passar, assim como no sentido contrário.
A polícia esteve presente para dar suporte aos manifestantes e promover a segurança e ordem no local, já que a pista foi totalmente bloqueada com troncos de árvores e galhos, em toda sua extensão horizontal, impedindo até as motocicletas de atravessarem, mas no decorrer da greve, os manifestantes com a ajuda da PM liberaram a passagem para os casos de emergência, como ambulância e veículos particulares que levavam pessoas doentes.

Após, quase três horas de paralização, a pista começou a ser liberada sem nenhum problema, e os manifestantes esperam que com este ato as autoridades competentes possam olhar com mais respeito os filhos e alunos da Vila de Santa Rosa.


 A seguir a capa de nº 70.



quinta-feira, 21 de maio de 2015

A DIFERENÇA ESTÁ NO SANGUE

Opções, preferencias, gostos, apreciação, entre outros, são mera satisfação de situações permanentes ou provisórias. Gostar de uma cor, de uma comida ou lugar é preferencias de cada um, a seu momento ou formado por cada personalidade. É o que o ser humano pratica desde sua origem: São as lutas pelos seus ideais, conquistas por anos de perseveranças, é o existencialismo proferindo seu espaço, seguro e duradouro.
Nada se compara, quando dois corpos com preferencias divergentes, não possa ser um, apenas um, unido pelo amor, pelo destino ou pelo sangue.
Vamos dar um exemplo no futebol: Conheço vários casais unidos no amor e com vários anos numa união estável, em que, entre os concubinos, um torce pelo time do Remo e a esposa para o time do Paysandu.


Em família, conheço irmãos que um é remista e outro é papão. Além disso, são amigos inseparáveis, estão sempre juntos.


Esse exemplo de união poderia valer para os amigos também. Vejo através da imprensa notícias de final de jogos que acaba geralmente em tragédia. Muitos já se foram por uma questão de egocentrismo e pura falta de esportismos. Como eu dissera anteriormente, as preferencias são de cada um, isso ninguém tira, mas, o que não se pode tirar, mesmo, são as vidas de pessoas que inocentemente vão aos estádios de futebol com sua família, muitas das vezes, o pai leva, pela primeira vez, o filho que está começando a conhecer a vida, e aí. Acaba tudo em menos de um pescar de olhos.